Home · Baú do Jordão · Camargo Freire  · Campos do Jordão

Crônicas e Contos · Culinária  ·  Fotos Atuais · Fotos da Semana

  Fotografias · Hinos · Homenagens · Papéis de Parede · Poesias/Poemas 

PPS - Power Point · Quem Sou  · Símbolos Nacionais · Vídeos · Contato

Vídeos sobre Campos do Jordão

Dependendo da sua conexão internet, os vídeos podem demorar um pouco
mais para carregar. Aguarde...

 

100 anos da Estrada de Ferro Campos do Jordão

Inaugurada em 15 de novembro de 1914, a Estrada de Ferro Campos do Jordão estará completando 100 anos em 15 de novembro de 2014.

 


 

A cura

Documentário sobre o período em que Campos do Jordão recebia milhares de pessoas que buscavam no alto da Mantiqueira o ambiente ideal para o tratamento da tuberculose.

Direção e roteiro Paulo Gomes

Produção Cervantes Sobrinho, Sergio Sachs e Paulo Gomes.

 


 

A história de Campos do Jordão contada por Pedro Paulo Filho - PARTE I

Vídeo da www.camposdojordao.tv.br - com Diógenes Venturini apresentando e entrevistando o Dr. Pedro Paulo Filho, advogado, jornalista, escritor e historiador, contando um pouco da história de Campos do Jordão.

 


 

A história de Campos do Jordão contada por Pedro Paulo Filho - PARTE II

Vídeo da www.camposdojordao.tv.br - com Diógenes Venturini apresentando e entrevistando o Dr. Pedro Paulo Filho, advogado, jornalista, escritor e historiador, contando um pouco da história de Campos do Jordão.

 


 

A história de Campos do Jordão contada por Pedro Paulo Filho - PARTE III

Vídeo da www.camposdojordao.tv.br - com Diógenes Venturini apresentando e entrevistando o Dr. Pedro Paulo Filho, advogado, jornalista, escritor e historiador, contando um pouco da história de Campos do Jordão.

 


 

A história de Campos do Jordão contada por Pedro Paulo Filho IV

Publicado em 3 de julho de 2012 - Portal NetCampos

Mais um pouco da história de Campos do Jordão contada pelo saudoso Pedro Paulo Filho, escritor, advogado, jornalista e o maior historiador de Campos do Jordão, exaltando as qualidades do clima inigualável e invejável da Mantiqueira. Cantada como a Suiça Brasileira foi reverenciada como o Altar da Solidariedade Humana. Com seu clima especial curou milhares de brasileiros que, recuperados das doenças pulmonares, especialmente a tuberculose, puderam retornaram sadios aos seus lares, em todos os quadrantes do País. Muitos acabaram ficando residindo em Campos do Jordão. Constituíram família, foram grandes e fortes alicerces na formação da cidade e, hoje, fazem parte da nossa história.

 


 

A MULHER NA HISTÓRIA DE CAMPOS DO JORDÃO – PARTE 1/2

Esta história é contada pelo Escritor e Poeta Benilson Toniolo

Uma pequena biografia de BENILSON TONIOLO:

Benilson Antonio Toniolo de Oliveira nasceu em Santos, SP, em 1968 e vive em Campos do Jordão desde 1994.

Formado em Hotelaria pelo SENAC e em Licenciatura em História pela UNIP, atuou em empresas da Cidade até ser nomeado Secretário Municipal de Valorização da Cultura no ano de 2013, cargo que ocupa até o momento.

Figura atuante na Cultura local, publicou artigos no jornal O Povo da Serra da Mantiqueira e atualmente é colunista d´A Tribuna de Campos do Jordão.

Estreou com “Poemas Jordanenses” (2011) e, de lá para cá, seguiram-se mais quatorze títulos, com destaque para “50 Artigos Publicados”, “Centenário de João Pedro Alem”, “75 Anos da Igreja Metodista em Campos do Jordão” e “Diário do Morro-Grande”, além de ter organizado duas antologias e prefaciado várias obras de autores locais.

Membro da Academia de Letras local desde 2009 (é o atual presidente), fundou a Academia Jovem de Letras, entidade composta por 70 jovens entre 12 e 21 anos de idade que desenvolvem atividades tendo a Literatura como pano de fundo. Como Secretário, criou a Jornada Literária Pedro Paulo Filho, a Hemeroteca Joaquim Corrêa Cintra, o Prêmio Campos do Jordão de Literatura, os pontos de leitura e o projeto “Campos das Letras”, ação de inclusão literária que acontece uma vez por mês na feira livre de Abernéssia. Foi ainda responsável pelo Plano Municipal de Cultura aprovado pela Câmara Municipal, que estabelece as bases para a política pública de Cultura para os próximos 10 anos. Propôs e executou ainda o tombamento como patrimônio histórico de oito edificações e eventos típicos locais.

 


 

A MULHER NA HISTÓRIA DE CAMPOS DO JORDÃO – PARTE 2/2

Esta história é contada pelo Escritor e Poeta Benilson Toniolo

Uma pequena biografia de BENILSON TONIOLO:

Benilson Antonio Toniolo de Oliveira nasceu em Santos, SP, em 1968 e vive em Campos do Jordão desde 1994.

Formado em Hotelaria pelo SENAC e em Licenciatura em História pela UNIP, atuou em empresas da Cidade até ser nomeado Secretário Municipal de Valorização da Cultura no ano de 2013, cargo que ocupa até o momento.

Figura atuante na Cultura local, publicou artigos no jornal O Povo da Serra da Mantiqueira e atualmente é colunista d´A Tribuna de Campos do Jordão.

Estreou com “Poemas Jordanenses” (2011) e, de lá para cá, seguiram-se mais quatorze títulos, com destaque para “50 Artigos Publicados”, “Centenário de João Pedro Alem”, “75 Anos da Igreja Metodista em Campos do Jordão” e “Diário do Morro-Grande”, além de ter organizado duas antologias e prefaciado várias obras de autores locais.

Membro da Academia de Letras local desde 2009 (é o atual presidente), fundou a Academia Jovem de Letras, entidade composta por 70 jovens entre 12 e 21 anos de idade que desenvolvem atividades tendo a Literatura como pano de fundo. Como Secretário, criou a Jornada Literária Pedro Paulo Filho, a Hemeroteca Joaquim Corrêa Cintra, o Prêmio Campos do Jordão de Literatura, os pontos de leitura e o projeto “Campos das Letras”, ação de inclusão literária que acontece uma vez por mês na feira livre de Abernéssia. Foi ainda responsável pelo Plano Municipal de Cultura aprovado pela Câmara Municipal, que estabelece as bases para a política pública de Cultura para os próximos 10 anos. Propôs e executou ainda o tombamento como patrimônio histórico de oito edificações e eventos típicos locais.

 


 

A TUBERCULOSE E O TURISMO

Esta história é contada pelo Escritor e Poeta Benilson Toniolo

Uma pequena biografia de BENILSON TONIOLO:

Benilson Antonio Toniolo de Oliveira nasceu em Santos, SP, em 1968 e vive em Campos do Jordão desde 1994.

Formado em Hotelaria pelo SENAC e em Licenciatura em História pela UNIP, atuou em empresas da Cidade até ser nomeado Secretário Municipal de Valorização da Cultura no ano de 2013, cargo que ocupa até o momento.

Figura atuante na Cultura local, publicou artigos no jornal O Povo da Serra da Mantiqueira e atualmente é colunista d´A Tribuna de Campos do Jordão.

Estreou com “Poemas Jordanenses” (2011) e, de lá para cá, seguiram-se mais quatorze títulos, com destaque para “50 Artigos Publicados”, “Centenário de João Pedro Alem”, “75 Anos da Igreja Metodista em Campos do Jordão” e “Diário do Morro-Grande”, além de ter organizado duas antologias e prefaciado várias obras de autores locais.

Membro da Academia de Letras local desde 2009 (é o atual presidente), fundou a Academia Jovem de Letras, entidade composta por 70 jovens entre 12 e 21 anos de idade que desenvolvem atividades tendo a Literatura como pano de fundo. Como Secretário, criou a Jornada Literária Pedro Paulo Filho, a Hemeroteca Joaquim Corrêa Cintra, o Prêmio Campos do Jordão de Literatura, os pontos de leitura e o projeto “Campos das Letras”, ação de inclusão literária que acontece uma vez por mês na feira livre de Abernéssia. Foi ainda responsável pelo Plano Municipal de Cultura aprovado pela Câmara Municipal, que estabelece as bases para a política pública de Cultura para os próximos 10 anos. Propôs e executou ainda o tombamento como patrimônio histórico de oito edificações e eventos típicos locais.

 


 

Abertura do 40º Festival de Inverno de Campos do Jordão - 2009

O governador José Serra participou da abertura da 40ª edição do Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão, que celebra o Ano da França no Brasil e o compositor Heitor Villa-Lobos.

 


 

[1/11]

 

 

 

 

 

- Campos do Jordão Cultura -